Imagens satélite : Tropas ucranianas abateram voo MH 17 ?

21-07-2014 14:41

Traduzido da Infowars:

Imagens satélite mostram tropas ucranianas a abater o voo MH17

Fonte informa jornalista premiado que Washington está a mentir.
 

Por PAUL Joseph Watson 21 JULHO 2014


O repórter premiado da Associated Press Robert Parry foi informado por uma fonte dos serviços de inteligência que os EUA possuem imagens de satélite que mostram que as tropas ucranianas foram responsáveis pelo abate do voo 17 das linhas aéreas da Malásia.

Na ausência de uma investigação imparcial, a retórica dos meios de comunicação de massas nos últimos dias tem sido a culpabilização dos rebeldes pró-russos pela queda do avião, mas a fonte de Parry  conta uma história diferente. 

O que a fonte me disse, e já tinha fornecido informações precisas noutras situações semelhantes no passado, é que os serviços de inteligência dos EUA têm imagens satélite detalhadas daquela que é provavelmente a bateria de mísseis que lançou o míssil fatal. Mas essa bateria parece estar sob o controlo de tropas do governo da Ucrânia vestidas com o que parecem ser uniformes ucranianos.

A fonte disse que os analistas da CIA ainda não excluíram a possibilidade que as tropas fossem na verdade rebeldes do leste da Ucrânia com uniformes semelhantes mas a avaliação inicial era que as tropas eram soldados ucranianos.Também foi sugerido que os soldados envolvidos eram indisciplinados e podiam estar bêbados, uma vez que as imagens pareciam mostrar garrafas de cerveja espalhadas pelo local, de acordo com a fonte.

Embora a imprensa mainstream tivesse tentado ridicularizar qualquer questionamento da narrativa oficial (que atribui as culpas aos rebeldes ucranianos) invocando o gasto e pejorativo rótulo de "teoria da conspiração", Parry não pode ser considerado como um lunático uma vez que é conhecido o seu papel chave na cobertura do escândalo Irão-Contras para a Associated Press e a Newsweek. Na verdade o trabalho de investigação de Parry sobre os assuntos ligados aos serviços de inteligência é importante. Parry foi distinguido com o Prémio George Polk, o que sugere que a informação fornecida por esta fonte é digna de uma análise séria.

As autoridades ucranianas e americanas continuam a insistir que os separatistas apoiados por Moscovo foram responsáveis pela tragédia, afirmando que o sistema de mísseis BUK foi usado para destruir o avião. No entanto esta afirmação contradiz as declarações do Procurador Geral da Ucrânia, General Vitaliy Yarema , que afirmou, após o avião ter sido destruído, “ Os militares disseram ao presidente que os terroristas não possuem o nosso sistema de mísseis Buk.”

Por outro lado os especialistas de áudio concluíram que eram falsas as gravações divulgadas pelas autoridades ucranianas que implicavam os separatistas apoiados por Moscovo no abate do MH17.

“O segundo fragmento da gravação consiste de três partes mas foi apresentado como se fosse uma única gravação áudio. No entanto a análise espectral e temporal mostrou que o diálogo foi partido em pedaços e depois foi montado. As pequenas pausas nas gravações são muito sugestivas: o ficheiro áudio manteve marcas temporais que mostram que o diálogo foi montado a partir de vários episódios, disse o perito," de acordo com a ITAR-TASS.

FONTE: http://www.infowars.com/whistleblower-u-s-satellite-images-show-ukrainian-troops-shooting-down-mh17/

 

www.wearechangeportugal.org www.informaçãoincorrecta.com