Panama Papers: Operação de guerra psicológica ?

08-04-2016 22:40
Neste vídeo Luke Rudkowski da wearechange.org questiona a versão oficial do caso Panama Papers.
De acordo com a wearechange as evidências indicam que a Ford Foundation, a Carnegie Endowment, o Rockefeller Family Fund,a W. K. Kellogg Foundation e a Open Society Foundation (do bilionário George Soros) ajudaram a orquestrar e a conduzir a maior fuga de informação na história do jornalismo. Todas estas organizações estão interligadas e são controladas pelas super elites globalistas.
Os principais alvos das fugas de informação são países - Rússia, Síria, Irão, China, etc. que não seguem a agenda das elites ocidentais.
É de salientar, confira no site do jornal britânico The Guardian, que os EUA e Israel não se encontram entre os 12 países diretamente afetados pelos Panama Papers.
De acordo com a wearechange o caso Panama Papers é mais uma PSYOP (NT- Operação de Guerra Psicológica) levada a cabo pelos serviços de inteligência do ocidente para atingir os objetivos geoestratégicos dos globalistas.

FONTE: http://wearechange.org/panama-papers-psyop-complete-inside-job-real-elites/
www.wearechangeportugal.org www.informaçãoincorrecta.com